1984: A Distopia do Indivduo Sob Controle
Evanir PAVLOSKI

Resumo

Aps consideraes sobre a longa e representativa tradio do pensamento utpico, tanto na filosofia e na sociologia, quanto na literatura - em especial sobre a distino entre utopia e distopia -, este trabalho focaliza a caracterizao do protagonista de 1984, de George Orwell, a fim de demonstrar como o controle da liberdade individual subjaz a idealizao de modelos sociais. ";;;O indivduo sob controle";;; um aspecto potencializado e satirizado pelos escritores distpicos, que transformam o sonho de uma sociedade modelar em um pesadelo totalitarista. Assim, analisamos o processo de apagamento das individualidades na estrutura social concebida por Orwell, o que preocupava sobremaneira o autor no mundo ps-guerra. Para tanto, tomamos como linha de anlise a caracterizao do protagonista Winston Smith e sua revoluo individual contra a sociedade distpica representada na narrativa. Tendo como base, principalmente os trabalhos de Michel Foucault, Gilles Deleuze, Hannah Arendt, Jeremy Bentham e Isaiah Berlin, demonstramos como os mltiplos mecanismos de controle se organizam com o intuito de suprimir a autonomia fsica, psicolgica e mental dos indivduos. A discusso do texto a partir da personagem Winston Smith conduz ao enfoque de outros elementos, como o espao e os temas, que se mostram de grande importncia no s para a compreenso do romance enquanto modelo narrativo, mas tambm dos conceitos autorais que motivaram a concepo da obra. A juno dessas perspectivas ressalta a visvel pertinncia de certos aspectos do romance para a reflexo sobre prticas autoritrias que agridem a liberdade individual de escolha, ao e conscincia nas sociedades atuais.


Texto Completo: PDF
Revista Eletrnica Teses e Dissertaes Unibrasil